top of page

Blog

Leia nosso blog e acompanhe nossos trabalhos e saiba mais sobre SIPAT Online, Cursos NR Online e muito mais.

CIPA - Análise e relatório de acidentes e doenças do trabalho

Conheça um pouco da metodologia de investigação e análise de acidentes e doenças do trabalho

cipa relatorio de acidente, curso cipa online, seguranca no trabalho,

ANÁLISE DO ACIDENTE OU DOENÇA DO TRABALHO


O principal objetivo de montar um relatório baseado em uma investigação minuciosa do acidente ocorrido é, diferente do que geralmente se pensa, dar uma resposta imediata a situação ou fatores que colaboram para o acontecimento do acidente e assim evitar que novos acidentes aconteçam.


O objetivo secundário da investigação, então o relatório em si, é o registro dos motivos e causas do acidente, que servirá como base para treinamentos específicos e periódicos de prevenção, estudo e análise do ambiente, estatísticas e preenchimento da CAT.


Acidente de trabalho é aquele que ocorre pelo exercício do trabalho a serviço da empresa, provocando lesão corporal ou perturbação funcional que cause morte, ou perda, ou redução permanente ou temporária, da capacidade do trabalho. O acidente de trabalho pode se classificado como:



TÍPICO – decorrente do exercício da atividade profissional, durante a jornada de trabalho;

TRAJETO – ocorrido no trajeto entre a residência e o local de trabalho do segurado ou vice-versa;

DOENÇAS – decorrentes da exposição a agentes ou condições inadequadas ou perigosas, no trabalho



Processo investigatório


Uma vez ocorrido o acidente e realizadas as providências emergenciais de atendimento às vítimas, é recomendado que se inicie o quanto antes a investigação. No caso de a vítima estar inacessível, no hospital por exemplo, começa-se por outros meios como testemunhas, vídeos, vestígios deixados no local, tira-se fotos da cena logo após o ocorrido antes da arrumação ou limpeza.


Ao ouvir o relato das vítimas e testemunhas, a CIPA deve transcrever tais relatos tais quais são expressados pelos colaboradores envolvidos, não fazendo nesse momento qualquer julgamento quanto a veracidade do que se diz ou ainda deduzindo possibilidades. A CIPA analisará os relatos e outros dados em momentos posterior e então fará sua conclusão sobre o ocorrido, podendo ponderar então sobre o que realmente aconteceu.


Ao determinar o perfil dos trabalhadores vítimas dos acidentes é necessário também verificar se o colaborador já sofreu acidentes similares ou outros, incluindo outras empresas. Também é necessário questionar sobre o uso de drogas, álcool ou remédios como antidepressivos ou relaxantes musculares que ele possa estar fazendo uso.



Esses elementos são capazes de reduzir nossa atenção e, portanto, nos deixar mais sujeitos a acidentes. Como complemento, questionar também se faz ou fez algum acompanhamento psicológico ou psiquiátrico, ou passa por situação estresse como doença própria ou de filhos, problemas financeiros ou conjugais. Você não vai resolver problemas conjugais, mas precisa entender as causas.


Para finalizar a entrevista com a vítima, questione sobre as condições do trabalho no momento em que o acidente aconteceu. Pergunte, por exemplo, a que horas aconteceu, quantas horas de trabalho já tinham se passado quando aconteceu, o turno em que a pessoa trabalha, se tem mais de um emprego.





Autor

Sandro Luiz Barth

Técnico de Segurança no Trabalho

575 visualizações0 comentário

Kommentare

Mit 0 von 5 Sternen bewertet.
Noch keine Ratings

Rating hinzufügen
bottom of page